Quando a Dodge invocou o Challenger Demon seus números impressionaram todo mundo, tamanha a capacidade daquele projeto já decano ainda ter fôlego para criar uma coisa insana dessas. São 851 cv gerados pelo super retrabalhado motor V8 Hemi (pistões, virabrequim, cabeçote…tudo foi forjado) e, com combustível de competição e pneus mais finos à frente, ele é capaz de acelerar aos 100 km/h em meros 2,3 segundos e atingir o famoso quarto de milha (0-402 metros) em 9,65 segundos (melhor do que o sonhado “ten seconds car” do Toretto).

Mas o que geralmente acontece quando você abre as portas do inferno para liberar um demônio é que várias outras bestas começam a surgir por aí. Como esse Camaro ZL1 de sexta geração da Vengeance Racing. Os caras decidiram que o câmbio automático de dez marchas da versão era mais do que suficiente para aguentar logo 1.100 cv pulsando nas câmaras de combustão do V-Oitão 6.2 supercharged.

Com essa preparação endiabrada, o Camaro desbanca o próprio Demon em linha reta. Dispara aos 402 metros em 9,58 segundos ultrapassando os 246 km/h (mais do que os 225 km/h do Challenger). Veja ele em ação no vídeo aí em cima.

A grande questão que fica é: onde vai parar essa guerra de potência entre muscle cars para arrancadas?