A gente sabe que no meio de tanta novidade peso do Salão de Frankfurt, a nova geração do Suzuki Swift foi timidamente celebrada. Mas a gente noticiou aqui e mais gente parece que deu a devida importância ao hatchzinho.

O estúdio X-Tomi Design já imaginou como o Swift Sport poderia ficaria com uma cara mais nervosa no lugar da aparência simpática dele. O resultado você vê aí em cima.

Ficou bem bacanudo, né? O designer alargou a carroceria do hot hatch com para-lamas maiores, com as soldas aparentes (pra dar aquela pinta mais rústica), faróis escurecidos e um para-choque mais largo também, com entradas de ar maiores. Ainda tem uma entradinha menor à frente do capô, que parece ser para alívio de ar.

As rodas amarelas negativas casaram bem com a cor laranja que o X-Tomi pintou o Swift, assim como o teto preto, vidros filmados e a asa grande atrás. Não seria nada mau ver um Swift com uma preparação dessas. Hoje ele tá com um motor 1.4 turbo de 150 cv e 23,4 kgfm de torque, com direito a injeção direta de combustível.