Oito meses depois de a Yamaha mostrar o conceito T7 em Milão, na Itália, a imprensa internacional começa a flagrar a aparente versão de produção da moto, que é tratada como a prima aventureira da naked MT-07, já que compartilha o mesmo motor de 689 cc. As fotos são do site Motorcycle News.

A moto ainda estava bem camuflada quando foi fotografada, mas dá para perceber pela silhueta que ela terá um design diferenciado do conceito do ano passado. Tanque mais alto e banco rebaixado dão uma curvatura mais acentuada à moto, em detrimento da pegada mais retilínea da T7, que parecia transmitir mais a pegada esportiva da aventureira. Os faróis geminados, porém, parecem ter sido mantidos pelos designers e, provavelmente, a carroceria também vai seguir muito do que o estudo previu.

O que fica claro é que ao contrário da Tracer 700, que também compartilha o motor da MT-07, a T7 vai focar no público que quer mesmo botar ela na terra e não só curtir uma estradinha. Os pneus Pirelli Scorpion MT90 calçados nas rodas 21” (frente) e 18” (traseira) dão bem essa dica, além das bengalas mais longas.

Na MT-07, o motor bicilíndrico gera 74,8 cv a 9.000 rpm e torque de 6,9 kgfm a 6.500 rpm, com aquele comportamento mais brutal que você já deve estar ligado, parecendo que 90% da força já tá disponível a qualquer puxadinha na manopla direita. É provável que a futura T7 siga essa mesma linha, o que é uma ótima notícia pra pegar aquele circuito de terra e botar a motoca pra saltar.