Depois de ter pegado o bastão do Veyron no ano passado, o Chiron agora estabeleceu seus próprios recordes. Com o ex-piloto de Fórmula 1 Juan Pablo Montoya no comando o monstrão, o Bugatti Chiron chegou aos 400 km/h em 32,6 segundos e depois parou por completo em um trecho de 3,112 metros, totalizando 41,96 segundos parar completar o 0-400-0 km/h.
Segundo a Bugatti, esse foi o tempo mais rápido já registrado em um veículo de produção na história mundial. A prova foi certificada pela empresa SGS-TUV Saar e o resultado vai ser celebrado durante o Salão de Frankfurt.

Bugatti Chiron

Geralmente, os pilotos que fazem esse tipo de prova, se vestem de maneira apropriada, com macacão, luvas e capacete. Mas o Juan Palo não. Ele, que é conhecido por ser doidão, foi de calça jeans e camisa mesmo, sem capacete. “O Chiron me deu uma sensação de segurança e confiabilidade tão grande que eu tava interiamente relaxado e realmente curti meu dois dias com o carro”, explicou o piloto.

Bugatti Chiron

O Bugatti é impulsionado por um motor 8.0 W16 de 1.500 cv e 163,3 kgfm de torque, com câmbio de dupla embreagem de 7 marchas e tração integral.

Bugatti Chiron