Para muitos, uma heresia. Para outros, uma necessidade! Assim é o universo do áudio, seja ele automotivo ou residencial. Em Dubai, um entusiasta investiu uma boa grana no som de sua Ferrari 458 Italia, que já ostenta atributos de sobra — vem com motor V8 4.5 de 570 cavalos e 55 kgfm de torque, capaz de atingir os 0 a 100 km/h em 3,4 segundos e máxima de 325 km/h!

ferrari-458-italia-som-audio-brian-fullpower

Para tanto, o milionário precisou enviar o superesportivo até a Holanda, para o pessoal da Brian’s Custom Audio. Especializada em sonorização de supercarangas, a empresa faz questão de utilizar muita fibra de carbono nos acabamentos, seguindo a esportividade do bólido.

ferrari-458-italia-som-audio-brian-fullpower-1

E tanto a potência como a qualidade dos equipamentos também seguem essa máxima: segundo os responsáveis, o conjunto é específico para reproduzir músicas instrumentais, com ênfase no estéreo, graves precisos e muito envolvimento.

ferrari-458-italia-som-audio-brian-fullpower-3-cortada

Grande parte desse trabalho está atrás dos bancos, em uma caixa revestida em couro e fibra de carbono — ao centro, um duto estratégico “sopra” os graves do par de subwoofers. Portas também receberam falantes, esses exclusivos para médias e altas frequências.

ferrari-458-italia-som-audio-brian-fullpower-5-cortada

Como a Ferrari reserva pouco espaço para equipamentos, o pessoal da Brian’s utilizou o minúsculo porta-malas dianteiro para abrigar os amplificadores mono e estéreo, ambos Audison. Protegidos por placa acrílica, ainda reservam espaço para o (ultrafino) pneu reserva, indicado apenas para situações de emergência.

[nggallery id=466]