Não há dúvidas de que Cristiano Ronaldo tenha ótimo gosto para carros e também muito dinheiro para gastar. O craque da Juventus, da Itália, acaba de comprar seu terceiro Bugatti, nada menos que uma das dez unidades do raro Centodieci. Lançado no ano passado, o hiperesportivo é avaliado em oito milhões de euros, valor equivalente a mais de R$ 45 milhões na conversão direta.

Equipado com motor 8.0 W16 quadriturbo de 1.600 cv, o Centodieci é um tributo ao EB110, icônico Bugatti lançado em 1991 para homenagear os 110 anos do fundador da marca francesa, Ettore Arco Isidoro Bugatti. Sua primeira aparição pública aconteceu no tradicional Concurso de Elegância de Pebble Beach, na Califórnia (EUA).

De acordo com a Bugatti, o Centodieci – que é 100 cv mais potente que o Chiron e 20 kg mais leve – vai de zero a 100 km/h em apenas 2,4 segundos, chega aos 200 km/h em 6s1 e supera a barreira dos 300 km/h em 13s1. A velocidade máxima é limitada eletronicamente em nada menos que 380 km/h.

Em sua garagem, CR7 já tinha um Bugatti Veyron e um La Voiture Noire, sem falar de outros vários supercarros como Lamborghini Aventador, McLaren Senna, Rolls-Royce Cullinan, Porsche 911 e Ferrari F12 tdf. Só em carros, o jogador tem mais de R$ 100 milhões gastos.