Camaro ou Mustang? Se está na dúvida entre qual dos dois comprar, o ideal então é esperar um pouco mais para conhecer o Chevrolet reestilizado e, aí sim, definir a escolha. A linha 2019 do muscle car da GM começará a ser vendida no país entre o fim de janeiro e início de fevereiro. Os preços ainda não foram revelados, mas, conforme o fabricante, não vão subir muito em relação à tabela atual, que é de R$ 315 mil para o cupê e R$ 350 mil para o conversível.

Embora tenha recebido atualizações visuais bastante perceptíveis (novos faróis, reposicionamento da logotipo na grade dianteira, novas lanternas, entre outras mudanças), é na parte mecânica que se encontra a principal novidade do modelo: o câmbio automático de dez marchas (o mesmo do Mustang), que assume o lugar da antiga transmissão de oito velocidades.

O motor continua sendo o 6.2 V8 de 461 cv e 62,9 kgfm. O acerto de suspensões e direção também foi mantido, mas o Camaro ganhou novos recursos, como controle de largada e modo burnout, que trava as rodas dianteiras para o motorista fritar as traseiras sem dó, tal como faz o rival da Ford.

As rodas de liga leve de 20 polegadas também são novas, com desenho e acabamento diferenciados para as duas versões do esportivo: acetinado no cupê e preto brilhante no conversível. E aí, curtiu?