Após muita expectativa, a Ford enfim apresentou a nova geração do Focus ST. Rival de modelos como o Golf GTI e o Mégane RS, o hatch esportivo está bem munido para encarar a concorrência. Debaixo do capô, há nada menos que o mesmo motor utilizado pelo Mustang de entrada, um 2.3 turbo de 280 cv e 42,8 kgfm. Comparado ao antigo propulsor 2.0 de seu predecessor, são 12% a mais de potência e 17% de torque.

De acordo com o fabricante, o novo Focus ST atinge 100 km/h em menos de seis segundos. Seu câmbio pode ser manual de seis marchas ou automático de sete velocidades, sempre com tração dianteira. Uma novidade do modelo é o diferencial blocante para melhorar a estabilidade e a tração nas curvas, além de seletor de modos de pilotagem.

Outro destaque do conjunto mecânico é o sistema anti-lag, desenvolvido para o Ford GT e a F-150 Raptor. Essa tecnologia elimina o atraso nas respostas ao manter a borboleta de aceleração ligeiramente aberta quando o motorista tira o pé do acelerador. Com isso, a rotação do turbo permanece elevada, dando ao Focus respostas quase imediatas.

No visual, chamam atenção os novos para-choques, a enorme grade do tipo colmeia com a inscrição ST, as lanternas e faróis de led, sem falar da ponteira dupla e preto fosca de escapamento e as rodas de liga leve de 18 polegadas.