spot_img

Fórmula 1: Carlos Sainz vence o GP da Inglaterra garantindo o pódio para a Ferrari e a sua primeira vitória na categoria

Data:

Compartilhe:

O que você verá neste artigo:

A Fórmula 1 desembarcou neste final de semana na Inglaterra, para o tradicional Grande Prêmio de Silverstone. O piloto da Ferrari Carlos Sainz acelerou forte no final da corrida para atingir a sua primeira vitória na maior categoria do automobilismo mundial. O pódio ainda foi formado por Sergio Perez (Red Bull) em segundo e o piloto da casa Lewis Hamilton (Mercedes) em terceiro.

A CORRIDA:

Apesar dos pilotos terem finalizado o GP da Inglaterra com um show de pilotagem na pista, o começo da corrida foi para esquecer. A largada durou poucos minutos, porque logo após a bandeira quadriculada um acidente interrompeu a prova e causou uma bandeira vermelha que atrasou a retomada da prova em uma hora.

Durante a freada da primeira curva, George Russell (Mercedes) que buscava espaço acabou batendo na roda traseira direita de Guanyu Zhou (Alfa Romeo). Com o toque o carro capotou violentamente e foi parar logo após a barreira de pneus, na tela da arquibancada. As imagens assustadoras mostraram a gravidade do acidente que felizmente ninguém ficou ferido. 

Com a pista em ordem, finalmente o GP da Inglaterra começou. A relargada aconteceu com o pole position Carlos Sainz recebendo pressão de Max Verstappen (Red Bull), Charles Leclerc (Ferrari), e Sergio Perez (Red Bull) na curva 3. Sainz conseguiu resistir e seguir na frente do pelotão.

Umas voltas depois, O ferrarista Sainz cometeu um erro na pista facilitando as coisas para Verstappen que vinha logo atrás e ultrapassou. O piloto da Red Bull, e atual líder do campeonato, comandava o grande prêmio e parecia estar tranquilo para mais um vitória, o que foi interrompido devido a um problema no assoalho do carro perdendo desempenho na pista. 

A frente da corrida ficou a equipe italiana. Sainz liderando viu Leclerc se aproximar com ação para fazer a ultrapassagem. Antes de passar o companheiro, Leclerc questionou a equipe perguntando no rádio “Free to fight (livres para disputar)”. A Ferrari, aparentemente cobrava um desempenho maior de Sainz, que por estratégia foi aos boxes e deixou a segunda posição da corrida para Leclerc, enquanto Hamilton era líder. 

A Mercedes parece ter reencontrado a performance. A equipe dos carros prateados tem trabalhado duro na correção dos “kikes” em alta velocidade, e parece que as coisas estão melhorando. Hamilton abria vantagem na corrida, mas esperou Leclerc para fazer o pit stop na mesma volta em que a Ferrari. 

Em estratégia diferente, Sainz já com pneus novos assumia a liderança, mas logo após algumas voltas viu Esteban Ocon (Alpine) parar na reta oposta causando um Safety Car durante a volta 41. O ferrarista optou por um novo pit stop para um stint final com pneus macios, de mais aderência para melhorar a velocidade e as curvas. Foi um ponto chave para o  piloto espanhol. 

Entre os 10 primeiros, Hamilton, Perez, Fernando Alonso e Lando Norris também fizeram a mesma estratégia indo aos boxes para colocar pneus de faixa vermelha. Com o pelotão novamente reaproximado, haviam apenas 14 carros na pista para dar continuidade. 

Safety car deixando a pista, a bandeira verde já indicava o recomeço da corrida. Sainz disparava para ficar com a liderança e conseguiu a ultrapassagem em cima de Leclerc ficando com uma diferença de apenas 2,7 segundos. O monegasco andava com pneus duros de 22 voltas e parecia não ter o conjunto ideal para suportar os adversários naquele momento. 

Perez, com muito gás, tomou a terceira posição de Hamilton e já vinha rápido para também passar Leclerc, mas o monegasco resistiu o máximo que pôde. Hamilton se aproximou e durante algumas voltas os três pilotos trocaram de posições e fizeram um show de ultrapassagens por dentro e por fora da pista. 

Sainz, já com uma vantagem, completava as voltas até o fim. Enquanto isso, Perez se mantinha na segunda posição e Leclerc tentava ultrapassar Hamilton. O Ferrarista se esforçou mas era nítido que a diferença dos pneus foi crucial para faltar velocidade nas disputas com Hamilton. 

Bandeira quadriculada, Carlos Sainz venceu o seu primeiro Grande Prêmio de Fórmula 1 e garantiu a vitória para a equipe Ferrari seguir pensando na disputa do campeonato de construtores. O pódio ficou completo com Perez em segundo e Hamilton em terceiro. 

O campeonato segue com Max Verstappen na liderança com 181 pontos, acompanhado do seu companheiro de equipe Sergio Perez em segundo com 147. Leclerc mantém a terceira posição com 138 e Sainz em quarto com 127 após os pontos conquistados neste domingo. Entre as equipes, a RBR lidera com 304, enquanto a Ferrari, em segundo, tem 228 pontos.

Confira o resultado do GP da Inglaterra de F1:

1) Carlos Sainz Jr. (Ferrari)

2) Sergio Pérez (Red Bull)

3) Lewis Hamilton (Mercedes)

4) Charles Leclerc (Ferrari)

5) Fernando Alonso (Alpine/Renault)

6) Lando Norris (McLaren/Mercedes)

7) Max Verstappen (Red Bull)

8) Mick Schumacher (Haas/Ferrari)

9) Sebastian Vettel (Aston Martin/Mercedes)

10) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)

11) Lance Stroll (Aston Martin/Mercedes)

12) Nicholas Latifi (Williams/Mercedes)

13) Daniel Ricciardo (McLaren/Mercedes)

14) Yuki Tsunoda (AlphaTauri/Red Bull)

OUT) Esteban Ocon (Alpine/Renault)

OUT) Pierre Gasly (AlphaTauri/Red Bull)

OUT) Valtteri Bottas (Alfa Romeo/Ferrari)

OUT) George Russell (Mercedes)

OUT) Zhou Guanyu (Alfa Romeo/Ferrari)

OUT) Alexander Albon (Williams/Mercedes)

SI202207030508 hires jpeg 24bit rgb
(Photo by Clive Mason/Getty Images) // Getty Images / Red Bull Content Pool //
SI202207030645 hires jpeg 24bit rgb
(Photo by Clive Rose/Getty Images) // Getty Images / Red Bull Content Pool //

 

Redação
Redaçãohttps://www.revistafullpower.com.br
O guia que te ajuda a escolher seu próximo carro, acessórios, produtos e serviços automotivos.
spot_img

━ Relembre ━

Inscreva-se em nossa Newsletter

━ Mais Lidas da Semana ━

Médio com preço de compacto: novo SUV CAOA Chery Tiggo 7 Sport parte de R$ 134.990

A CAOA Chery causou um rebuliço no segmento dos...

Dodge Charger elétrico deve vibrar e soar como se tivesse motor V8

Rumores publicados na imprensa dos Estados Unidos indicam que...

Renault 5: ícone francês retorna em versão modernizada com motor elétrico

O Renault 5, um dos carros mais emblemáticos da...

FULLPOWER LAP: aceleramos o GWM Ora 03 GT em Interlagos

O FULLPOWER LAP está de volta e mais eletrizante...