A Jaguar revelou nesta semana a linha 2021 (isso mesmo, 2021!) reestilizada do F-Type. Tanto na versão cupê quanto na conversível, o esportivo adotou linhas mais elegantes ao estilo do elétrico I-Pace, com faróis mais finos e prolongados, além de grade frontal menos arredondada e novos vincos no capô. A traseira manteve a essência agressiva, com quatro ponteiras de escapamento, lanternas de led, para-choque mais baixo e difusor de ar central que varia conforme a motorização.

Por dentro, o destaque é o quadro de instrumentos com tela digital de 12,3 polegadas, semelhante ao do E-Pace e do F-Pace. A central multimídia agora possibilita espelhamento dos sistemas Android Auto e Apple CarPlay. Charmes como as saídas de ventilação que projetam no console central ao ligar o ar-condicionado foram mantidos.

Na gama de motores, a novidade é encontrada na opção 5.0 V8 com compressor mecânico, que passa a contar com os mesmos 575 cv e 71,3 kgfm de torque exclusivos até então para a versão SVR do F-Type. Com esse propulsor, o F-Type R agora acelera de zero a 100 km/h em 3,7 segundos e atinge velocidade máxima de 300 km/h, limitada eletronicamente.

Nas versões de entrada, continuam em cena os motores 2.0 turbo de quatro cilindros e 300 cv e o 3.0 V6 supercharged de 380 cv. Para o mercado europeu, o 5.0 V8 ainda tem uma nova versão mais “mansa” de 450 cv e 59,1 kgfm. As duas opções V8 dispõem da função de partida silenciosa, que abafa o som ao manter as válvulas de escape fechadas até o que motorista comece a acelerar.

Toda a linha do F-Type reestilizado recebeu suspensões revisadas com amortecedores adaptativos, além de molas e barras antirrolagem melhoradas, com componentes mais rígidos para as mangas de eixo traseiras.