A Lamborghini comemora neste mês os resultados positivos com o Urus, crossover que está no portfólio da fabricante desde 2018. O projeto robusto de um SUV superesportivo parece ter dado certo e o exemplar já vendeu mais de 20.000 unidades em apenas quatro anos de mercado.

Para celebrar, a montadora reuniu seus colaboradores e executivos na sede de San’Agatha Bolognese, na Itália, para realização de fotos e entrega de um Urus personalizado com a cor Viola Mithras com rodas e pinças de freio na cor preta. O modelo foi entregue ao cliente do Azerbaijão que adquiriu a versão comemorativa.

O SUV esportivo com certeza foi uma grande idéia da Lamborghini que precisou contratar aproximadamente 500 funcionários, além de ampliar a capacidade de produção para dar conta da demanda causada pelo crossover. 

De acordo com disse Stephan Winkelmann, presidente e CEO da Lamborghini: “Desde o primeiro momento em que apresentamos o conceito Urus no Salão do Automóvel de Pequim em 2012, até sua estreia no mercado em 2018 e, a cada ano desde então, o Urus provou seu apelo instantâneo e contínuo como um verdadeiro Lamborghini, nascido de nossa herança esportiva e do primeiro super SUV do mundo, o LM 002”.

O design agressivo e o conjunto mecânico com um motor V8 de 4.0 capaz de gerar 650 cv de potência e 86,7 kgfm de torque, associado ao câmbio ZF automático de 8 marchas, realmente chamam a atenção. O 0 a 100km/h do Urus é em 3,6 segundos com a velocidade máxima de 300 km/h.

O mercado de SUVs superesportivos ainda é pequeno, mas com o tempo vem ganhando forma e conquistando mais clientes. Em torno de 70% dos compradores do Urus, nunca haviam adquirido um Lamborghini antes. Realmente é um salto surpreendente levando em consideração a exclusividade desses veículos. 

Divulgação/Lamborghini

Divulgação/Lamborghini