O nome é Vision AVTR, sigla para Advanced Vehicle Transformation, ou Transformação Avançada de Veículo, na tradução livre. O carro conceito da Mercedes-Benz foi mostrado nesta semana na CES (Consumer Electronic Show), feira de tecnologia realizada anualmente em Las Vegas (EUA).

Apresentado em conjunto pelo presidente da marca alemã, Ola Kallenius, o diretor do filme, James Cameron, o produtor Jon Landau e o designer do longa Ben Proctor, o Vision AVTR foi classificado pela montadora como um automóvel completamente diferente de qualquer outro Mercedes.

De acordo com o fabricante, o Vision AVTR é um carro de quatro lugares com design orgânico que oferece uma interatividade homem-máquina. Seu design conta com 33 flaps que se movem para alterar a aerodinâmica e pneus esféricos para auxiliar nas manobras e reduzir os impactos ao meio ambiente.

A cabine traz elementos inspirados nas casas das espécies Na’vi, o povo de Avatar que habita as selvas da lua de Pandora. Os assentos, o painel e o assoalho são produzidos de materiais reciclados. Em vez de volante, o modelo utiliza um console multifuncional que conecta o ocupante com o veículo de forma biométrica com a colocação da mão na unidade de controle e dando vida ao interior pelo reconhecimento do batimento cardíaco e da respiração do condutor.

Equipado com uma bateria de 110 kWh com tecnologia totalmente livre de metais raros, o Mercedes Vision AVTR tem potência de 470 cv e autonomia para rodar até 435 km. O carro ainda pode andar de lado, como se fosse um caranguejo, num ângulo de aproximadamente 30°.