A Kia apresentou nesta semana a linha reestilizada do Cerato que é vendida nos Estados Unidos com o nome Forte. Produzido no México – de onde também vem para o Brasil -, o sedã médio ganhou novos faróis, grade frontal, parachoques, além da nova logotipo da marca sul-coreana e mais equipamentos de segurança, como assistente de permanência em faixa, alerta de colisão frontal e frenagem automática de emergência.

Nada mudou debaixo do capô. Nas versões mais baratas, o Cerato continua com motor 2.0 de 149 cv e 18,2 kgfm de torque, com tração dianteira e câmbio CVT. Já o 1.6 turbo de 203 cv e 27 kgfm, que pode ter câmbio manual de seis marchas ou de dupla embreagem de sete velocidades, equipa a variante esportiva GT. A comercialização do facelift em nosso país (apenas com o propulsor 2.0, infelizmente), deve ocorrer no ano que vem.