A Porsche está comemorando 20 anos do Cayenne, o seu primeiro SUV. E para celebrar, a montadora alemã acaba de lançar uma versão especial batizada de Turbo GT, que deve ser a mais potente e completa da gama. O modelo já era veloz e esportivo, e agora se torna ainda mais exclusivo ultrapassando os 600 cv de potência. 

O design não teve alterações profundas, mas ganhou spoilers de composto plástico reforçado com fibra de carbono, tomadas de ar maiores, faixa lateral dourada com escrita “Porsche” e rodas também com a pintura dourada. Já o interior traz revestimento do painel, bancos e volante em Alcântara. Uma das novidades na conectividade fica por conta da central multimídia que agora oferece conexão para celulares via Android Auto, o Apple Carplay já era oferecido antes. 

Divulgação/Porsche

Na performance é onde as coisas realmente mudam no Cayenne Turbo GT. Debaixo do capô, o SUV carrega um motor V8 4.0 biturbo de 640 cv capaz de fazer o cupê acelerar de 0 a 100 km/h em 3,3 segundos, com uma velocidade máxima de 300 km/h. Ainda assim, o modelo possui, sistema de escape com a parte fria de titânio e sem silenciador intermediário, suspensão a ar com ajuste esportivo, freios de composto de carbono cerâmica e pneus Pirelli voltados para a performance e montados com cambagem negativa na dianteira. 

O conjunto mecânico vem da família do Lamborghini Urus, compartilhando diversos componentes como os bicos injetores que jogam o combustível na câmara em pressões mais altas e as turbinas maiores. O novo Cayenne Turbo GT foi projetado especialmente pela divisão esportiva da Porsche em Weissach no distrito de Böblingen, na Alemanha. A versão já está disponível no Brasil custando entre R$ 1.325.000. Vale lembrar que o modelo é vendido apenas com a carroceria cupê. 

Divulgação/Porsche