Para a alegria dos fãs a Suzuki anunciou que vai trazer para o mercado brasileiro a nova geração da Hayabusa. Conhecida também como Falcão Peregrino, a motocicleta já pode ser vista no site da fabricante, mas os preços e o início da pré-venda ainda não foram divulgados. O que já sabemos é que ela deve chegar no terceiro trimestre deste ano.

As principais novidades estão no visual e no pacote de equipamentos. O motor permanece o mesmo de 1.340 cm³ capaz de gerar 190 cv de potência a 9.700 rpm e 15,3 kgfm de torque a 7.000 rpm, com transmissão sequencial de seis velocidades. Ainda assim a Hayabusa vai ter um novo sistema anti-levantamento da roda dianteira em acelerações mais vigorosas e novidades nos modos de pilotagem podendo ser escolhido entre normal, esportivo e escorregadio. No total serão 6, 3 predefinidos e 3 personalizáveis.

A linha 2023 conta também com controle de largada, limitador de velocidade ativo, sinal de parada de emergência (que aciona os piscas em frenagens mais bruscas), controle de declive e assistente de partida em rampa. Entre os itens de segurança o controle de estabilidade e tração também foram atualizados com monitoramento do ângulo de inclinação e o escorregamento nas curvas, garantindo mais estabilidade e reduzindo o esforço do piloto no controle da motocicleta.

O tamanho da Hayabusa segue o mesmo 2,18 metros de comprimento e 735 mm de largura com 1,48 de entre-eixos. O peso teve um aumento de 4 kg devido a nova carenagem, agora são 264 kg. Mesmo sem muitas mudanças em potência e aerodinâmica a Suzuki afirma que a moto está mais rápida, chegando de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos com a velocidade média limitada a 299 km/h. 

Divulgação/Suzuki

Divulgação/Suzuki