A Ford revelou nesta quarta-feira (24) a nova geração da Ranger. A picape média tem estilo parrudo, bastante tecnologia embarcada, multimídia enorme ao estilo da Fiat Toro e até opção de motor V6, emprestado da irmã F-150. A vinda ao Brasil irá acontecer, mas somente em 2023, importada da Argentina.

Por enquanto, ainda não há informações de torque e potência. A Ford apenas informou que a nova Ranger terá propulsor 3.0 V6 turbodiesel e 2.0 turbodiesel, com opção de turbo simples e biturbo. Haverá ainda o 2.3 EcoBoost turbo de quatro cilindros à gasolina. O câmbio, dependendo do motor escolhido, poderá ser manual ou automático de 6 marchas, ou automático de dez velocidades.

O design merece destaque à parte. Dá pra dizer que a nova Ranger traz o DNA da F-150 e da Maverick, com faróis de led e matriciais em formato de C, grade robusta e um X logo abaixo da grade, que se estende até o para-choque. A traseira chama atenção pelo estilo das lanternas de led e pela tampa da caçamba cheia de recortes.

Por dentro, o painel é todo novo e tem como protagonista a enorme central multimídia com tela vertical de 12 polegadas e o novo sistema operacional Sync 4. O quadro de instrumentos também é digital e a alavanca de câmbio foi redesenhada. E aí, curtiu o estilo da nova Ford Ranger? Deixe seu comentário.