spot_img

Ford Ranger Raptor é a picape mais divertida que o dinheiro pode comprar

Data:

Compartilhe:

Coloque o capacete e prepare-se para uma jornada selvagem no mundo das picapes, porque a Ford Ranger Raptor chegou ao Brasil para transformar cada estrada em uma pista de corrida e cada trajeto em uma aventura. Se você é do tipo que acredita que dirigir deve ser uma experiência emocionante e divertida, a nova picape é a melhor opção desse tipo no mercado brasileiro.

Antes mesmo de ligar o motor, a Ranger Raptor já está dando um show com seu visual cheio de atitude. De uma ponta a outra, o veículos tem detalhes exclusivos, incluindo soluções de design que a tornam mais radical e um enorme incremento de itens para aumentar o desempenho no asfalto e em terrenos off-road. É como uma picape de corrida com permissão para rodar na rua.

E o Ford Ranger Raptor de fato tem o DNA esportivo totalmente aflorado. A picape foi desenvolvida pela divisão Ford Performance inspirada na experiência com picapes Ranger de corrida que participam de competições em desertos.

Ford Ranger Raptor acelera de 0 a 100 km/h em 5,8 segundos (Ford)
Pesada, mas muito ágil: Ford Ranger Raptor tem câmbio automático de 10 marchas (Ford)

O resultado é uma picape de 2,4 toneladas que acelera como um carro esportivo. O motor a gasolina 3.0 V6 biturbo GTDI com 397 cv e torque de 59,4 kgm empurra a Raptor de 0 a 100 km/h em apenas 5,8 segundos. Com esse dado na ficha técnica, a picape da Ford é a mais rápida do mercado. E ela ainda salta, faz curvas fechadas, atravessa trechos de lama…

O motorista pode selecionar sete modos de condução: Normal, Escorregadio, Lama/Terra, Areia, Esportivo, Rock Crawl e Baja. Cada modo traz ajustes específicos do motor, transmissão, freios, ABS, tração, direção, suspensão e escapamento, alterando também o grafismo do painel de instrumentos.

O ataque da Ford Ranger Raptor

A Raptor é toda diferente da Ranger, começando pelo chassi com reforços com reforços estruturais laterais nas longarinas, nas torres dos conjuntos de mola-amortecedor e no suporte do estepe. Outra parte reforçada é a nova suspensão, com maior curso do segmento, diga-se: 256 mm na dianteira (32% maior que a Ranger convencional) e 290 mm na traseira (mais 18%). Ela é do tipo Double-Wishbone na dianteira, com braços de liga de alumínio, e Watts Link na traseira, com mola helicoidal.

A nova picape com nome de dinossauro também recusa-se a patinar ou atolar. A picape vem com diferencial traseiro e dianteiro blocante, que pode ser acionado por um botão no console ou pelo pelo navegador off-road na tela multimídia. Quando acionado, o sistema forma um eixo rígido para que as rodas girem ao mesmo tempo, evitando que a picape patine ou atole.

E não podemos esquecer da capacidade de imersão de 850 mm, a maior da categoria. E com proteção para alternador, entrada de ar e componentes elétricos, a Raptor é praticamente um submarino terrestre. Feita para suportar obstáculos difíceis, a carroceria tem ângulo de entrada de 32°, ângulo de saída de 27°, ângulo de transposição de rampa de 24° e vão livre do solo de 272 mm. Possui também capacidade de aclive máximo de 45° e inclinação máxima lateral de 35°.

Estilo Raptor de ser

O interior da Raptor é uma versão estilizada da cabine da Ranger tradicional. Possui bancos esportivos revestidos em couro com detalhes em laranja, que é a principal cor temática da série. O mesmo tom aparece ainda no volante esportivo e nos contornos das saídas de ar.

Outro item diferente da Ranger normal são as rodas de liga leve de 17”, na cor preta, com pneus 285/70 R17AT Continental Grabber, de perfil alto, com 33” de diâmetro. A caçamba é equipada com protetor Flexbed, tomadas de 120 V e 12 V, pontos de ancoragem e tampas para a instalação de acessórios, exibindo a assinatura Raptor nas laterais e na traseira.

Interior da Ford Ranger Raptor
Interior da Ford Ranger Raptor: picape vem com bancos esportivos exclusivos (Ford)

A opção de pintura mais associada a Ranger Raptor é o Laranja Saara, que está disponível no Brasil. Outras cores oferecidas por aqui são o Azul Belize, Preto Astúrias, Branco Nevasca e Cinza Diamantina.

Uma picape diferente que proporciona uma experiência radical e divertida, a Ford Ranger Raptor chega para ser uma referência em design e performance. O acesso para este mundo, no entanto, é para poucos: a nova picape está à venda por R$ 448.600.

ViaFord
Redação
Redaçãohttps://www.revistafullpower.com.br
O guia que te ajuda a escolher seu próximo carro, acessórios, produtos e serviços automotivos.
spot_img

━ Relembre ━

Inscreva-se em nossa Newsletter

━ Mais Lidas da Semana ━

Médio com preço de compacto: novo SUV CAOA Chery Tiggo 7 Sport parte de R$ 134.990

A CAOA Chery causou um rebuliço no segmento dos...

Dodge Charger elétrico deve vibrar e soar como se tivesse motor V8

Rumores publicados na imprensa dos Estados Unidos indicam que...

Renault 5: ícone francês retorna em versão modernizada com motor elétrico

O Renault 5, um dos carros mais emblemáticos da...

FULLPOWER LAP: aceleramos o GWM Ora 03 GT em Interlagos

O FULLPOWER LAP está de volta e mais eletrizante...