Texto e Fotos: Leonardo Figueira / Vídeo: João Mantovani

O assistente contábil Diogo Cruz comprou esse Volkswagen Voyage 1986 em 2014 após ver um anúncio na internet. “No anúncio só tinha uma foto do carro que de cara me chamou atenção pela cor do painel: era monocromático. E isso sempre me atraiu nos quadradinhos, pois acho que traz um charme para o carro”, conta Diogo. O antigo dono utilizava o carro para o transporte de horti-fruti, e só resolveu vender depois que comprou uma picape. Diogo adquiriu o carro por R$ 4.500.

voyage-1986-fullpower

A principio, as modificações que Diogo fez foram para trazer boa parte da originalidade que o carro tinha perdido. Como os detalhes externos, troca de faróis, piscas, lanternas, para choques, frisos, tudo o mais original possível. A cor é a única coisa que foi mantida.

voyage-1986-fullpower-3BX Castor_610x200 Por mais que não pareça, esse carro nunca foi polido. Já o interior foi todo trocado: painel, bancos, volante, forros, e até o rádio, pois estavam castigados pelo tempo. Achar peças de interiores monocromáticos não é nada fácil, por isso Diogo chegou até a criar uma pagina no Facebook voltada a ajudar a galera que está na busca dessas peças.

voyage-1986-fullpower-11
Depois de dar aquela geral na caranga, Diogo começou a fazer as modificações. Seguindo a filosofia onde menos é mais, com mudanças mais sutis o cara optou por um sistema de suspensão a ar simples da Castor. “O carro é gostoso para dirigir e como não costumo correr, sinto muita segurança nele, para fazer curvas e frenagens é tranquilo”, conta Diogo.

voyage-1986-fullpower-4BX Zunky_610x200
As rodas são da Avid.1 modelo AV-03 (réplicas das Schmidt TH-Line) aro 15″ e tala 8″, que custam cerca de R$ 2.000, montadas com pneus 165/50 (cerca de R$ 250 cada). Outros detalhes também foram adicionados a parte externa do carro, como os faróis de milha Cibié Serra II (R$ 150), o spoiler dianteiro (mais conhecido como bigodinho) do Gol GT e polainas curtas do Voyage 1983. O motor é 1.6 original e recebeu um coletor de escape 4×1.

voyage-1986-fullpower-12“Estou estudando mudanças para o ano que vem, como outras rodas e melhorias da suspensão e no interior também a reformar os bancos, e motor uma aspirada de leve, com comando 49G, e quem sabe uma injeção para deixar ele mais ágil”, finaliza Diogo.

voyage-1986-fullpower-10-2BX Cral_610x200