Um tempo atrás, a galera da Hennessey (que recentemente fez ISSO com um Grand Cherokee Trackhawk) lançou uma preparação bem especial para o Chevrolet Camaro. Batizada de “Exorcista”, ela injeta 1.000 cv sob o capô do muscle cara para bater de frente com o “diabo” Challenger Demon de 851 cv.

Agora, os caras decidiram fazer essa mesma preparação para a versão conversível do Camaro ZL1. Ou seja, assim como o cupê, a potência do Camaro conversível passou de 659 cv para 1.013 cv! Ou seja: talvez um dos V-oitões mais insanos do planeta.

A receita pra extrair tanta cavalaria do Camaro foi extensa: colocaram um supercompressor com maior capacidade cúbica, 0,9 kg/cm² (14 psi) de pressão, virabrequim e cabeçote forjados, coletores de aço inoxidável, sistema de exaustão de alto fluxo e um novo gerenciamento eletrônico do motor.

Na versão cupê, o Camaro ZL1 “The Exorcist” chega aos 96 km/h (o 0-60 mph dos americanos) em menos de 3 segundos com pneus radiais para arrancadas. O quarto de milha é feito em menos de 10 segundos.

Os caras ainda não testaram a versão conversível, mas espera-se que ela tenha números parecidos com os do cupê.