Lá se vai uma década da primeira aparição do R8 com motor V10 de aspiração natural. Para celebrar esse marco, a Audi lançou uma versão especial do superesportivo, batizada de V10 Decennium (década, em latim) e limitada em 222 unidades. Na Alemanha, custará 222 mil euros.

Quando estreou no R8 e também no Lamborghini Gallardo, o propulsor 5.2 V10 com injeção direta de gasolina entregava 525 cv. Hoje na versão Decennium, esbanja 620 cv e 59,1 kgfm de torque, números que fazem o modelo acelerar de zero a 100 km/h em 3,1 segundos e atingir velocidade máxima de 331 km/h.

Disponível na carroceria cupê, o R8 Decennium traz pintura exclusiva cinza fosco, rodas de 20 polegadas com desenho especial, coletor de admissão do motor com acabamento bronze fosco, além de aerofólio dianteiro, estribos e difusor pintados de preto brilhante. Nesta versão, as quatro argolas da Audi são pintadas de preto e há emblemas alusivos à série. Os espelhos laterais e a caixa dos retrovisores externos são feitos de fibra de carbono brilhante.

O interior do Audi R8 V10 Decennium também tem acabamento inteiramente preto, com os apliques de fibra de carbono brilhante acrescentando mais destaques. A costura padrão em losango acolchoado dos bancos esportivos tem acabamento preto brilhante e a costura contrastante é na cor cobre brilhante. O câmbio e o volante de base reta têm costura colorida em cobre, como o centro do descansa-braço e a soleira da porta.

A luz da porta projeta o logotipo “Decennium” sobre o chão, complementado pelo número sequencial da edição limitada do modelo. Como em todas as versões do R8, o Audi Virtual Cockpit e a tela MMI Navigation Plus vêm padronizados.