“Sleeper” de 500 cv: BMW 325 montado no RS roda disfarçado com motor de M3

Data:

Compartilhe:

BMW com câmbio manual, vermelho, esportivo… Cristian Silva, o Cris, não precisa se esforçar para lembrar do BMW GT 1600 1968 em que passeava com seu pai, Renato Silva, no final dos anos 1980. Com dois carburadores Solex 42 e apenas 900kg, esse carro era literalmente um sonho na época, ainda mais no Brasil, e alimentou a paixão de Cris pela marca alemã. Hoje, ele é dono de um exótico modelo 325 com uma preparação fora do comum, equipado com um motor de M3. Na gíria dos carros, esse BM é um “sleeper”. É um modelo que finge ser manso, quando na realidade é o oposto.

Cris é o fundador do instituto profissionalizante FT Education, localizado em Canoas (RS), enquanto seu irmão toca uma oficina que só cuida de carros especiais, também no Sul do país. Portanto, ele é um cara que convive ao lado de carros modificados diariamente. Totalmente “contaminado” por esse ambiente, o empresário decidiu criar seu próprio carro.

BMW 325 sleeper
Sleeper vermelho: modelo montado pelo Cristian Silva foi fabricado em 1994 (Acervo FULLPOWER)

A saga desse sleeper só começou em 2008, com a vontade de Cristian em montar um brinquedo para se divertir nos finais de semana em que não está dando aulas. E o BMW sleeper não era a primeira opção nas buscas por sites de compra e venda de automóveis.

“Quando compartilhei minhas ideias com o Anderson Dick, da FuelTech, ele disse que eu estava louco. A briga na minha lista era entre um Seat Ibiza, pois gostava da versão de Rali, e um Gol GTI 16V”, conta Cris, rapidamente convencido a desistir desses modelos. O primeiro alemão encontrado, um 318, também foi descartado pelo amigo Anderson, muito claro ao afirmar que BMW tem que ter motor seis cilindros.

BMW 325 sleeper
A suspensão do carro possui um conjunto completo de molas e amortecedores da Megan Race (Acervo FULLPOWER)

Quando achou esse modelo 325 das fotos, não resistiu e arrematou na hora. Além de se encaixar na configuração que seu amigo especialista recomendava, um BM de seis cilindros, ele tinha câmbio mecânico e a pintura vermelha… Era exatamente o que ele precisava para relembrar o GT de seu pai e curtir o que poderia se tornar uma máquina com quase 500 cavalos de potência para andar na rua e acelerar fundo na pista.

O motor original desse 325 alemão, fabricado em 1994, é um seis cilindros em linha 2.5 litros de quase 190 cv e podia atingir quase 240 km/h de velocidade máxima. Por aqui, antes de ser retirado do cofre do motor, esse seis canecos até foi turbinado com um coletor da SPA e turbo original de Fiat Tempra. Na época, a injeção usada era a FT300, com ajuda de um Spark PRO 6 e alimentação de gasolina. “Não cheguei a passar no dinamômetro, mas estimo algo em torno de 250 cavalos nas rodas, potência de um M3 original dos anos 1990”, conta Cristian.

BMW 325 sleeper
Parece um BMW 325 manso, mas é um sleeper com mais de 500 cv (Acervo FULLPOWER)

Sleeper: visual de BMW 325 e motor de M3, ou será o contrário?

Se hoje o comum é ver rodas BBS instaladas em carros ultrabaixos, para fazer o stance desejado, aqui a história é outra. Em 2011, o preparador do carro, seu irmão Diogo Silva, da RC Racing, lhe deu um motor 3.0 do M3 americano, o M50B30, recheado de peças boas, como pistões forjados Iapel, bielas Engle, comando de válvulas BMW Motorsport, etc. Então, no final de 2012, começou o trabalho de transformação radical no BMW 325.

BMW 325 sleeper
De parar o trânsito: rodas BBS aro 18 polegadas com raios dourados (Acervo FULLPOWER)

“Fiz o oposto do que é comum. Ao invés de colocar o visual da M3, instalei o powertrain completo do esportivo e mantive o visual original do 325”, explicou o dono do carro. “Essas rodas, no caso, são para quando o BM está nas ruas. Na pista, vai de slick montado em rodas BMW de 18”x8,5.”

Depois de encaixado no cofre, o motor 3.0 (que virou 3.1 com as novas peças internas) ganhou um turbo Master Power 6164 refrigerado à água, intercooler com entrada e saída de três polegadas e escape em inox, tudo da RC Racing. Com a nova injeção FT 500, Cris programou o booster do BMW para deixar o carro bem progressivo no circuito, com 0,3 kg na saída de curvas (algo em torno de 300 cv) e 0,8 kg a partir das 5.500 rotações (até 480 cv). “Dessa maneira, o carro fica bem prazeroso de guiar e bom para virar tempo”, explica o preparador.

BMW 325 sleeper
O motor seis cilindros 3.0 do M3 foi “transplantado” no lugar do 2.5 original do BMW 325 (Acervo FULLPOWER)

O “chão” desse BMW 325 sleeper com coração de M3 é feito é composto por um conjunto completo de molas e amortecedores da Megan Race. Além de 30 ajustes e câmber plate para facilitar regulagens, existem barras de torção e freios gigantes, que não fadigam no final da reta. “Apesar dos equipamentos de ponta, na primeira prova em Santa Cruz descobrirmos onde era possível melhorar. Com a ajuda do Cristian Delfino, da WCR, desenvolvemos a refrigeração dos freios e o alinhamento da suspensão, o que melhorou muito o desempenho nas outras oportunidades”, contou Diogo.

BMW 325 sleeper
Fora o volante de competição, pouca coisa muda no interior do BMW 325 sleeper do Cris (Acervo FULLPOWER)

Durante nossa reportagem, andamos no carro com configuração de rua e a sensação é de que o BMW já passou da conta para rodar na boa, civilizadamente. Apesar de dócil de motor, seu setup é bem firme e sobra potência para dar lixadas gigantescas com as rodas traseiras. Quando o turbo pega pra valer, a patada é forte e a sensação é de que o carro não para de crescer. Em trechos de trânsito, o piloto sofre com o pedal da embreagem Tilton para sair do semáforo sem trepidar, o que é natural numa configuração dessa, mais radical.

BMW 325 sleeper
Além do motor, o BMW 325 também herdou câmbio manual do M3 (Acervo FULLPOWER)

Adicione a esta receita interior com bancos Sparco bem justos e câmbio ZF de cinco marchas manual, também de M3. O resultado é que você vai pensar em andar de pé direito colado no assoalho. Aí, o azar é de quem encontrar esse sleeper no caminho da pista e achar que está alto para o jogo de BBS instalados. Aqui, o stance é para andar forte e não para desfilar!

Ficha técnica

Motor – 6 cilindros em linha, 3.1 litros
Alimentação – Injeção eletrônica, etanol
Potência – 480 cv (rodas)
Torque – 68 kgfm (rodas)
Transmissão – Manual, cinco marchas, tração traseira
Freios – Discos ventilados
Pneus – Diant.: 225/40 / Tras.: 235/45
Rodas – Diant.: 18†x 8†/ Tras.: 18†x 9â€
Upgrade – Motor, turbo, injeção, embreagem, suspensão, freios,
rodas, pneus, bancos, volante
Empresas – RC Racing

Redação
Redaçãohttps://www.revistafullpower.com.br
O guia que te ajuda a escolher seu próximo carro, acessórios, produtos e serviços automotivos.

━ Relembre ━

Inscreva-se em
nossa Newsletter

━ Mais Lidas da Semana ━

As 5 marcas de bateria com melhor reputação, segundo o Reclame Aqui

Você já parou para pensar na importância da bateria...

Jeep relança Wrangler com pintura cor-de-rosa nos EUA

Após receber uma onda de pedidos, a Jeep decidiu...

BMW X5 será o primeiro carro híbrido plug-in produzido no Brasil

O Brasil está prestes a receber seu primeiro veículo...

Nova picape Chevrolet S10 tem pré-venda iniciada por R$ 281.190

Com apresentação ao público marcada para a próxima semana...