A Eletra Industrial, empresa nacional que trabalha com a construção de veículos elétricos pesados, anunciou nesta semana novidades na sua produção. A montadora está mudando para uma nova fábrica no estado de São Paulo. A estrutura irá permitir o aumento de demanda, podendo fazer até 1800 ônibus elétricos e híbridos por ano. 

De acordo com o anúncio, o novo prédio será inaugurado em julho localizado na Via Anchieta, em São Bernardo do Campo/SP. A nova sede tem 27.000 metros quadrados e vai possibilitar que ao menos 150 veículos eletrificados sejam criados por mês a partir do segundo semestre deste ano. 

Segundo Milena Braga, CEO da Eletra: “Nossa meta é ser a maior montadora brasileira de veículos elétricos para transporte de passageiros e de carga, com tecnologia inteiramente nacional. Há 20 anos, produzimos os mais inovadores ônibus elétricos, híbridos e trólebus em circulação no país. Temos experiência e competência comprovadas. É hora de crescer”.

Para promover ações ecológicas, muitos estados estão criando programas de incentivo para as empresas de transporte substituírem seus ônibus a combustão por modelos de baixa ou zero emissões. Com isso, a Eletra pretende estar preparada para atender toda a demanda que chegar não só em solo Brasileiro, mas também em outros países vizinhos. 

O diretor de vendas Silvestre Sousa, comentou sobre as metas da fabricante visando clientes do mercado latino-americano: “Temos mantido contatos com operadores da Argentina, Equador, México e outros países. Todos demonstram grande interesse em trabalhar com uma empresa de ônibus elétricos com a tradição de qualidade da indústria brasileira desse setor”

Algumas pessoas talvez ainda não conheçam, mas a Eletra tem uma longa história em terras tupiniquins. Fundada em 1999, na cidade de São Bernardo do Campo, a montadora produz o e-Bus 100% elétrico, trólebus e também o Dual Bus híbrido elétrico, em diferentes configurações (12m, 15m, 18m e 23m, articulados ou não).

Divulgação/Eletra

Divulgação/Eletra