FÓRMULA 1: MAX VERSTAPPEN LIDERA DE PONTA A PONTA E VENCE O GP DE MÔNACO 

Data:

Compartilhe:

Neste domingo (28/05), Max Verstappen venceu o Grande Prêmio de Mônaco de Fórmula 1. Em uma prova marcada pela chuva que apareceu no meio da prova, o piloto da Red Bull Racing conseguiu encontrar o melhor traçado para liderar o GP de ponta a ponta, passando na linha de chegada com a vitória em uma das corridas mais badaladas da maior categoria do automobilismo mundial. 

O pódio no tradicional circuito de Monte Carlo ainda teve Fernando Alonso (Aston Martin) em segundo e Esteban Ocon (Alpine) em terceiro. Já completando o TOP-5 temos Lewis Hamilton (Mercedes-AMG) em quarto, enquanto o seu companheiro de equipe, George Russell (Mercedes-AMG), finalizou em quinto lugar.

SI202305280235 hires jpeg 24bit rgb
(Photo by Mark Thompson/Getty Images) // Getty Images / Red Bull Content Pool

A CORRIDA: 

Bandeira verde, mais uma corrida em Mônaco se iniciava. Max Verstappen largou bem e seguiu na ponta com facilidade. Alonso, em segundo, ameaçou uma ultrapassagem em cima de Verstappen, mas acabou segurando a tentativa. Enquanto isso, no fundo do pelotão, Lance Stroll (Aston Martin) acertou o muro de proteção e caiu para a 17º posição.

Volta a Volta, Verstappen seguia na liderança com tranquilidade. Já o seu companheiro de equipe, Sergio Perez, viveu um drama neste final de semana em Monte Carlo. O piloto mexicano largou da última posição, tentou uma estratégia arriscada parando logo no primeiro giro para colocar pneus duros, mas mesmo assim se manteve no fundo do pelotão.

Se na ponta da corrida as coisas estavam calmas, a disputa pelo terceiro lugar movimentou as primeiras voltas na pista de Mônaco. Esteban Ocon, em uma das suas melhores provas em 2023, acelerando com sua Alpine no Top-3. O piloto francês não tinha ameaças até que Carlos Sainz (Ferrari) se aproximou e tentou uma ultrapassagem, só que acabou tocando na traseira do adversário. Sainz danificou a asa dianteira, mas conseguiu se manter na corrida.

Com 15 voltas de corrida, o jovem Logan Sargeant (Willians), que estreou este ano na F1, não estava com um ritmo bom e segurou Kevin Magnussen (Haas) durante algumas voltas. Depois de vários giros pressionando Sargeant,  Magnussen com mais velocidade conseguiu uma bela ultrapassagem por dentro. Na sequência foi a vez de Stroll e Pérez.

SI202305280454 hires jpeg 24bit rgb
(Photo by Ryan Pierse/Getty Images) // Getty Images / Red Bull Content Pool

Depois de 32 voltas completadas, os primeiros pilotos da ponta começaram com as estratégias de pit stops. A previsão era de chuva para Monte Carlo, mas isso só foi acontecer a partir do giro 50, quando os primeiros pingos começaram a aparecer, alterando totalmente o plano das equipes e criando um caos no GP de Mônaco.

Verstappen, entrou nos boxes e colocou pneus intermediários. Enquanto isso, alguns pilotos permaneceram no circuito com componentes para pista seca. Foi o caso de Carlos Sainz que rodou sozinho mas deu sorte de acabar não batendo. Já Lance Stroll, acertou o muro de proteção e danificou a asa dianteira. Perez foi outra vítima que atingiu levemente a traseira de seu carro na parede, mas conseguiu se manter na prova no fundo do pelotão.

Com pista molhada e restando apenas 17 voltas para o final do Grande Prêmio, a ordem era da prova tinha Verstappen em primeiro com 15 segundos de vantagem para Alonso em segundo. Ocon, Hamilton, Russell, Leclerc, Gasly, Sainz, Tsunoda e Norris completavam a zona de pontuação.

Depois de uma nuvem de chuva molhar todo o circuito, as ruas de Monte Carlo começaram a secar e as brigas nas últimas voltas eram de Hamilton em cima de Ocon pela terceira colocação, enquanto Lando Norris (McLaren) pressionava Yuki Tsunoda (Alpha Tauri) pelo nono posto. 

Bandeira quadriculada, o Grande Premio de Mônaco terminou com Max Verstappen vencendo mais uma prova em 2023, sendo a vitória número 39 da carreira do holandes. Fernando Alonso terminou em segundo, garantindo o quinto pódio no ano, enquanto Esteban Ocon,  ficou com o terceiro lugar.

CONFIRA O RESULTADO COMPLETO DO GP DE MÔNACO 2023

1) Max Verstappen (Red Bull/Honda RBPT)

2) Fernando Alonso (Aston Martin/Mercedes)

3) Esteban Ocon (Alpine/Renault)

4) Lewis Hamilton (Mercedes)

5) George Russell (Mercedes)

6) Charles Leclerc (Ferrari)

7) Pierre Gasly (Alpine/Renault)

8) Carlos Sainz Jr. (Ferrari)

9) Lando Norris (McLaren/Mercedes)

10) Oscar Piastri (McLaren/Mercedes)

11) Valtteri Bottas (Alfa Romeo/Ferrari)

12) Nyck de Vries (AlphaTauri/Honda RBPT)

13) Zhou Guanyu (Alfa Romeo/Ferrari)

14) Alexander Albon (Williams/Mercedes)

15) Yuki Tsunoda (AlphaTauri/Honda RBPT)

16) Sergio Pérez (Red Bull/Honda RBPT)

17) Nico Hülkenberg (Haas/Ferrari)

18) Logan Sargeant (Williams/Mercedes)

DNF) Kevin Magnussen (Haas/Ferrari)

DNF) Lance Stroll (Aston Martin/Mercedes)

SI202305280422 hires jpeg 24bit rgb
(Photo by Dan Mullan/Getty Images) // Getty Images / Red Bull Content Pool
Redação
Redaçãohttps://www.revistafullpower.com.br
O guia que te ajuda a escolher seu próximo carro, acessórios, produtos e serviços automotivos.

━ Relembre ━

Inscreva-se em
nossa Newsletter

━ Mais Lidas da Semana ━

Ford celebra 60 anos do Mustang com edição limitada em 1965 unidades

Hoje, dia 17 de abril, é o aniversário de...

Jeep Commander ganha opções com motor 2.0 Turbo e fica até R$ 40 mil mais barato

Se algum dia faltou força ao Jeep Commander, isso...

Jeep Compass com motor Hurricane de 272 cv dá um show em performance

Segure o chapéu, pois vem aí um vendaval! Um...

As 5 marcas de bateria com melhor reputação, segundo o Reclame Aqui

Você já parou para pensar na importância da bateria...