Depois de muito suspense, a Honda finalmente revelou detalhes exclusivos sobre o novo Civic Type R que chega entre setembro e novembro deste ano em alguns países. Para a alegria dos entusiastas, a fabricante confirmou que o esportivo será vendido no mercado brasileiro, mas por aqui deve desembarcar apenas no primeiro trimestre de 2023.

A Honda escondeu o modelo por um tempo, mas isso faz sentido quando a montadora está trabalhando muito para manter a fama do Type R como um dos carros de tração dianteira mais rápidos de Nurburgring. Foram muitas horas de testes na pista que renderam até um novo recorde no lendário circuito de Suzuka.

As principais modificações do novo Type R se concentram na performance. Mas entre as mudanças visuais notamos que uma nova grade em formato colmeia foi instalada na dianteira para casar com o novo para-choque. O capô recebeu um discreto extrator para auxiliar na refrigeração do motor, já os faróis de neblina deram lugar para as passagens de ar.

Divulgação/Honda

Na traseira, a tradicional saída de escapamento com três ponteiras continua centralizada. O para choque foi redesenhado ganhando um novo difusor. Para manter o downforce, o aerofólio foi atualizado e ficou maior. Ainda assim, as portas traseiras do novo Civic são específicas do modelo esportivo por serem mais largas em comparação às versões convencionais. 

A fabricante japonesa procurou juntar o útil com o agradável reduzindo peso sobre a construção do novo Type R. A carroceria é nova e o conjunto inteiro do carro possui materiais mais leves e mais rígidos prezando pela estabilidade em altas velocidades. Tudo isso foi feito para aperfeiçoar e manter as respostas nas curvas.

De acordo com Mike Kistemaker, vice-presidente de vendas da Honda nos EUA: “O Type R é mais do que velocidade, potência e dirigibilidade. É como um grande carro faz você sentir o que realmente importa e é disso que se trata o Civic Type R”.

Divulgação/Honda

O interior também foi renovado, com bancos que imitam suede, e um material com coeficiente alto de fricção, para manter os passageiros presos. O carpete e o acabamento são na cor vermelha, a mesma que está nos acentos. No cockpit o condutor tem à disposição um painel de instrumentos digital com uma tela de 10,2 polegadas que recebeu novo grafismo e novas informações como cronômetro, medidor de força G e outros detalhes que auxiliam em caso de pilotagem na pista. 

O suspense ainda segue sobre o conjunto mecânico que irá equipar o Type R. A expectativa é que a Honda mantenha o motor 2.0 de quatro cilindros VTEC turbo de 320 cv e injeção direta. Mas, especula-se que venha uma nova versão da motorização 2.0 com mais potência e a opção de câmbio manual de 6 marchas ou automático de dupla embreagem.   

O Lançamento oficial está marcado para setembro, já estando nos Estados Unidos até o final do ano. O novo Honda Civic Type R ainda deve ser visto em testes para receber os ajustes finais do powertrain. Aqui no Brasil o modelo será um rival do Toyota GR Corolla que também chega para movimentar o segmento de hot hatches no mercado nacional. 

A Honda produziu um vídeo mostrando os bastidores, além de contar alguns detalhes da construção e da história do Civic Type R dentro da fabricante. O pequeno filme foi publicado junto com a revelação do modelo para o mercado automotivo mundial. Vale a pena conferir!